Saiba como liderar uma equipe da melhor forma

As diferenças entre ser um chefe e ser um líder, diferentemente do que muitos empreendedores ainda pensam, são diversas. Em tempos repletos de mudanças não apenas tecnológicas mas também trabalhistas e sociais, aqueles que desejam estar no comando precisam compreender que distanciamento e bitolamento não funcionam mais no mercado de trabalho. Eles precisam entender de verdade como liderar uma equipe.

Para um expediente produtivo, todos precisamos ser criativos, o que acontecerá apenas com relaxamento e bem-estar. Ao criar uma atmosfera de cumplicidade e atenção, os funcionários deixam de ser números e se tornam peças essenciais para o crescimento de uma empresa.

Como liderar uma equipe

Reunimos 5 dicas essenciais para que consiga entender melhor como liderar uma equipe de forma eficaz. Assim você deixará de vez o seu lado “chefe” que apenas apresenta resultados mecânicos, para se tornar o líder que possui uma equipe engajada e eficiente!

1. Esteja aberto a sugestões

Apesar de estarem no comando, nem sempre os líderes saberão como lidar com todas as situações. Por isso, é fundamental que você esteja disposto a ouvir as opiniões dos membros da sua equipe, mesmo aqueles que aparentemente não possuem nível de expertise no assunto. Os melhores conselhos provavelmente são dados de fora, por pessoas que não estão diretamente envolvidas nos problemas.

Um chefe arrogante que acredita estar no controle e sempre certo gera distanciamento, o que não pode existir dentro de um time. Todos devem estar em conexão. Compreenda que funcionários não são robôs e que eles podem ensinar muito com suas experiências. Eles podem até ser grandes amigos. Essa relação positiva pode até mesmo fazer com que ideias inovadoras surjam em seus colaboradores e eles se sentirão incentivados a dividi-las com você.

2. Exija crescimento de você mesmo

como liderar uma equipe estudar

O ditado “não faça aos outros o que não quer que façam a você” também funcionaria bem como “cobre dos outros apenas o que cobra de você”. Isso significa que se você espera que sua equipe se especialize, estude e melhore diariamente, você também deve fazer o mesmo. Os colaboradores devem ver que você se esforça tanto ou mais do que eles, sem hipocrisia.

A internet traz uma série de conteúdos a distância de um clique. Por isso, nem mesmo a desculpa do deslocamento vale mais. Caso a agenda seja lotada, aposte nos EAD’s. Diversas instituições também oferecem pós-graduações e cursos nos fins de semana. Em caso de urgência, livros, podcasts (existem até alguns podcasts corporativos muito interessantes) e vídeos podem ser uma ótima (e rápida) alternativa.

Os próprios conteúdos sobre gestão, que ensinam técnicas modernas e tratam de como liderar uma equipe são enriquecedoras. Não adiantará estudar uma especialidade sem noções de liderança.

3. Aprenda a elogiar e reconhecer

como liderar uma equipe feedback

Da mesma forma que, para entender como liderar uma equipe, é necessário ouvir sugestões e reconhecer erros, também é fundamental o reconhecimento e admiração do outro. O ambiente corporativo é extremamente competitivo, o que pode conduzir muitos ao estresse contínuo e a problemas de rendimento quando o trabalho é máximo e o retorno é mínimo.

Saiba reconhecer quando um membro da sua equipe se destaca em sua função e o elogie, deixando clara a sua satisfação com o resultado final. O mais importante para uma convivência sadia é a compreensão. Saiba que, da mesma forma que você precisa dos serviços deles, eles um dia precisarão de você e trabalharão com muito mais satisfação se souberem que podem conversar abertamente e receber feedback.

4. Ofereça dicas e apoio à sua equipe

como liderar uma equipe dicas e apoio

Como líder do time, o seu papel é guiar os outros membros para que tudo funcione em perfeita harmonia. É preciso que formem um organismo vivo, cada qual com seu papel. Cabe a você passar a instituir o hábito de compartilhar conhecimento e de dividir experiências. Esteja por dentro de conteúdos que sejam relevantes à sua área. Selecione e compartilhe com os outros. Vale usar as redes sociais e até as a plataforma de distribuir conteúdo rico da empresa.

A comunicação interna, o endomarketing ou mesmo reuniões periódicas podem ser muito úteis para que se estabeleça uma conexão horizontal e confortável entre os membros da equipe. Com conversas semanais ou quinzenais, os colaboradores poderão dividir com você e os outros seus cronogramas. E até as expectativas para aquele período. Além de alinhar demandas futuras.

Mesmo aqueles que não fazem parte de um mesmo setor devem estar reunidos, garantindo um intercâmbio de conhecimentos que podem ultrapassar o profissional, chegando a interesses pessoais dos membros da sua equipe.

5. Invista no treinamento e na reciclagem dos seus funcionários

como liderar uma equipe treinamento corporativo

  • Por que passar semanas gastando tempo e energia entrevistando em busca de um currículo perfeito e qualificado quando estes podem ser construídos dentro da empresa?

Investir em treinamentos e na reciclagem dos seus funcionários gerará neles o sentimento de pertencimento. Este é um dos passos mais importantes sobre como liderar uma equipe. Um time que é valorizado e que merece dinheiro e tempo investidos trabalha de forma muito mais natural e efetiva. Assim, grandes talentos internos serão mantidos.

A formação continuada e a reciclagem são possibilidades que trazem conteúdos adicionais e extras aos níveis já conquistados. A especialização, ao contrário do que pode ser pensado a princípio, não expulsa os colaboradores para outras empresas. Isso os retém, pelo senso de confiança e gratidão. Esse fator acompanha as questões financeiras da empresa. Os colaboradores precisam receber valores proporcionais às suas funções e especialidades.

Gostou das dicas de como liderar uma equipe melhor? Saiba desde já como treinar sua equipe de forma eficiente. 

fale com um consultor aio

  • 7 Posts
  • 0 Comments
Mariah (lê-se Mariá) é contadora de histórias por natureza; jornalista e escritora em processamento. É apaixonada por literatura e por temáticas atuais, como redes sociais, marketing e blogs. Inclusive, tem seu próprio blog, o Tempo Verbal, onde escreve desde crônicas até listas e um monte de coisas.