AioCast #019: Como construir uma cultura de valor e um conteúdo de relevância

O AioCast de hoje traz uma dúvida frequente quanto à cultura de valor dentro da empresa. As dicas são do Felipe Matos, fundador do Ecossistema da Startup (Farm). Segundo ele, os valores pessoais dos founders acabam entrando na cultura da empresa. E essa cultura, por sua vez,  influencia diretamente em como tudo funciona internamente.

Além disso, no podcast de hoje, Felipe Matos fala sobre conteúdo relevante. Será que a sua empresa está produzindo da maneira correta? Nesse mundo de conteúdo, a dica da vez é fazer algo que se destaque a partir da qualidade. Ouça agora no Como usar, pelo SoundCloud e pelo iTunes.

Ter uma cultura de valor é o assunto da vez no AioCast

Neste AioCast você aprenderá:

  • Como se deu o desenvolvimento do empreendedor Felipe Matos, da Farm
  • Qual o peso da cultura de valor
  • A ligação entre os valores pessoais dos founders e o Culture Code da empresa
  • Como se destacar na internet com uma produção de conteúdo de qualidade

Qual o peso real da cultura de valor em uma startup?

O peso é gigante, quer as pessoas percebam quer não. Às vezes eu penso que muitos empreendedores nem param para pensar nisso para dar o devido valor para essa questão. Mas, querendo ou não, os valores pessoais dos founders, aquilo que eles acreditam, o jeito de ser, moldam muito os valores da própria startup e a cultura dela.

E isso terá implicações em como ela funciona. Em como ela entrega seus produtos e para a sociedade. Então, a sua empresa pode ter uma cultura tão bacana como quanto você acreditar como empreendedor. Muito do como essa startup funciona, do como ela faz as coisas, é definida por esse filtro dos valores e da cultura que você pretende criar.

Eu acho que a gente tem vários exemplos, alguns super legais, outros nem tão legais assim, de empresas que têm elementos da sua cultura influenciando muito diretamente em como essas empresas funcionam.

Cultura complicada

Acho que dá para citar, talvez por um lado não tão positivo, os exemplos que a gente tem escutado da Uber. De como muitos elementos da cultura lá, que é uma cultura mais agressiva, tem gerado até implicações de discussões éticas de algumas práticas que eles tem adotado.

De outro lado também, como você incluir elementos na cultura de inclusão, de diversidade, de valorizar as pessoas, de criar um ambiente de trabalho que, enfim, que respeita mais, dá mais autonomia, também gera negócios mais saudáveis. Melhores inovações, atraem as melhores pessoas.

Isso traz muita diferença, sem dúvida, no sucesso da startup. No crescimento, principalmente a longo prazo. Algumas coisas você pode até tentar resolver com dinheiro. Com muito dinheiro dá para resolver muita coisa. Mas se você não tiver uma cultura que se sustente, isso pode cair por terra um pouco mais adiante.

A diferença dos negócios que perduram para mim, está muito mais nessa identidade forte, que está construída com valores e com cultura do que na performance do negócio simplesmente.

O seu conteúdo é de qualidade?

Acho que estamos vivendo num paradoxo do mundo atual da sociedade de hoje. De um lado temos uma infinidade de conteúdo. Nunca produzimos tanta informação, tanto dado na história da humanidade.

A internet está abarrotada de opções de conteúdos de todos os tipos e qualidades. Mas, ao mesmo tempo, e talvez até por isso mesmo, há um sobressalto, uma relevância muito maior para os conteúdos de qualidade.

Tem tanta informação, tanta coisa de tudo quanto é tipo que aquelas que realmente tem qualidade acabam saltando aos olhos. Fazendo a diferença no meio de tudo que está aí.

Como fazer a diferença através do conteúdo de qualidade

Um jeito de você, de fato, ouvir, chamar a atenção e ser relevante para a sua audiência é fazer uma coisa diferente da média. Que tem uma qualidade, às vezes, bem questionável. Falando dessa qualidade média no mundo onde estamos vendo fakenews e todo esse mar de conteúdo e informação.

Então, diante disso, é preciso ter informação de qualidade e conseguir ter reputação. Se tornar uma referência que é respeitada, faz realmente toda a diferença.

Você pode fazer isso construindo conteúdo de qualidade ou até tentando fazer um trabalho de curadoria. Que é, nesse mundo que existe aí, tentar dar alguns caminhos para que quem queira acessar a esse conteúdo de qualidade, o encontre.

Conclusão

Como Felipe Matos ressaltou, é essencial entender com quem deseja trabalhar para conquistar o sucesso da empresa. Lembre-se do que falamos várias vezes aqui no AioCast, sobre ser preciso contratar pessoas que você queira ver diariamente. Não tem sensação pior que acordar todo o dia de manhã cedo e pensar: “Nossa, terei que aguentar aquela pessoa de novo hoje”.

Isso gera um desconforto e uma desmotivação. Saiba pensar sobre isso na hora da contratação. Contrate pessoas que se transformem em um círculo de amizade. Pessoas que tem a ver com o que a empresa quer para o futuro. E isso vale até na hora de escolher os sócios também. Observe os objetivos deles e sempre traga pessoas que agreguem valor ao time.

Agora, quando o assunto é conteúdo de qualidade, é preciso pensar que existem diversas pessoas criando conteúdo on-line. Muitos de má qualidade, outros de boa qualidade. É preciso compreender cada vez mais o papel do Growth Hacking dentro da empresa para que ela cresça com um conteúdo estratégico e de qualidade.

Além disso, o conteúdo de qualidade, com pesquisa, entrevista e bem estruturado, deve sempre ser o de mais importância dentro da sua empresa. Preserve e busque isso diariamente.

AioCast sobre cultura de valor

Espero que tenha curtido o bate-papo sobre a importância da cultura de valor dentro da empresa. E, claro, que tenha anotado as dicas para ter uma produção de conteúdo de qualidade! Agora, é só mandar as suas dúvidas pelos comentários.

Quer continuar atento às novidades do AioCast? Então, é só seguir pelo SoundCloud, acompanhar pelo iTunes, e, claro, não perder nenhuma novidade das nossas redes sociais. A propósito, aposto que você ainda não segue o Aio nelas! Então, corre lá no Facebook, no Twitter e no Instagram. Só assim, você ficará atento e receberá todas as nossas novidades.

  • 46 Posts
  • 2 Comments
Ana Clara Carvalho é escritora, jornalista e blogueira do Diário da Aninha Carvalho. Adora descobrir o que há por trás de séries, filmes e ama escrever, tanto que publicou o primeiro livro aos 20 anos. Além disso, adora gravar vídeos para o canal no YouTube e agora faz vídeos para o Aio também. Ela vai te ajudar a entender o mundo dos cursos on-line tanto para o ensino quanto para treinamentos corporativos como redatora do blog Meu Aio. Então, se quiser falar com a Ana basta comentar abaixo, interagir nas redes sociais ou entrar em contato pelo e-mail: acarvalho@barbaruiva.com. Ah! Ela adoraria ter você como seguidor no Instagram! #FicaDica